Sevilla vira sobre Villarreal por 3 a 2 e se consolida no 5º lugar no Espanhol

Falha de goleiro Mariano Barbosa ajuda time andaluz a abrir quatro prontos de vantagem sobre rival direto

Estadão Conteúdo

26 Novembro 2017 | 18h30

O Sevilla conquistou uma virada surpreendente por 3 a 2 sobre o Villarreal, neste domingo, na casa do adversário, pela 13.ª rodada do Campeonato Espanhol. Apesar das ótimas atuações do jovem meia Pablo Fornals e dos atacantes Cédric Bakambu e Carlos Bacca, o Villarreal sofreu com falhas da defesa e individualmente do goleiro Mariano Barbosa.

O resultado consolidou o Sevilla na quinta posição da tabela, com 25 pontos, agora quatro à frente do Villarreal, que permanece em sexto, com 21. Ambos os clubes estão dentro da zona de classificação para a próxima edição da Liga Europa.

O primeiro tempo seguia bastante equilibrado e com chances para as duas equipes até que, aos 18 minutos, o franco-congolês Bakambu aproveitou cruzamento de Fornals, após grande lançamento do colombiano Bacca, e estufou as redes do goleiro Sergio Rico e abriu o placar.

Depois do gol, o Villarreal ainda teve outras chances - com Bakambu, Bacca e Soriano - para ampliar o marcador na primeira etapa, mas o jogo foi para o intervalo com o placar de 1 a 0 para a equipe mandante.

Na segunda etapa, Fornals quase ampliou o marcador com uma cabeçada aos 20 segundos de jogo. Aos 7 minutos, o Sevilla perdeu a bola no ataque, Fornals pegou a bola e lançou para Bacca, que disparou ainda do seu campo, livrou-se de um zagueiro e do goleiro adversário para fazer um golaço: 2 a 0.

Quando todos imaginavam que o Villarreal deslancharia no jogo, o Sevilla iniciou uma reação improvável. Aos 10 minutos, o argentino Even Banega bateu falta da esquerda na cabeça do zagueiro Clement Lenglet.

Pouco mais de um minuto depois, o meia argentino Franco Vázquez arriscou de fora da área. Foi um chute despretensioso, o goleiro Mariano Barbosa chegou a tocar na bola, mas não o suficiente para evitar o empate da equipe visitante.

A virada do Sevilla veio aos 31 minutos, quando o zagueiro Victor Ruiz deu um carrinho de forma imprudente dentro da área e atingiu a perna esquerda de Pablo Sarabia dentro da área. O árbitro marcou pênalti e expulsou o defensor do Villarreal. Na cobrança, Banega colocou a equipe visitante à frente no placar.

Agora, o Villarreal voltará a campo pelo Espanhol no dia 3 de dezembro, quando enfrentará o Leganes fora de casa. Já o Sevilla receberá o Deportivo La Coruña um dia antes, em jogos válidos pela 14.ª rodada do torneio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.