Reprodução Twitter Shakhtar Donetsk
Reprodução Twitter Shakhtar Donetsk

Shakhtar Donetsk anuncia contratação do lateral Dodô, do Coritiba

Jogador de 19 anos já se apresentou à nova equipe e assinou contrato por cinco temporadas

Estadão Conteúdo

08 de dezembro de 2017 | 14h34

O Shakhtar Donetsk adicionou mais um jogador à sua legião de brasileiros. O clube ucraniano anunciou nesta sexta-feira a contratação do lateral-direito Dodô, do Coritiba. O jogador de 19 anos já se apresentou à nova equipe e assinou contrato por cinco temporadas.

+ Chapecoense vence no fim, vai à Libertadores e rebaixa o Coritiba para a Série B

"Nós assistimos ao Dodô por seis meses. Ele é um jogador muito jovem, fez 19 anos no mês passado. Assinamos com ele para acirrar a competição na lateral-direita com Bohdan Butko. Acho que ele vai surpreender a torcida do Shakhtar. O garoto tem grandes qualidades, que, espero, podem evoluir este ano. O principal trunfo do Dodô é seu ritmo", declarou o CEO do clube, Sergei Palkin.

Depois de assinar o vínculo e se apresentar ao Shakhtar, Dodô volta ao Brasil para as festas de fim de ano e só iniciará os treinos em janeiro. Ele foi um dos poucos destaques do Coritiba na campanha que acabou com o rebaixamento da equipe no último Campeonato Brasileiro.

"Há alguns dias, jogamos com o Manchester City pela Liga dos Campeões (vitória por 2 a 1 na última quarta-feira) e foi possível ver perfeitamente a importância do ritmo no futebol moderno. Quando o foco está nos jovens, a primeira coisa que você presta atenção é na velocidade, especialmente com defensores", comentou Palkin.

Dodô será o sétimo brasileiro no elenco do Shakhtar. Ele se juntará aos defensores Ismaily e Márcio Azevedo, os meio-campistas Fred e Bernard e os atacantes Dentinho e Taison.

 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCoritiba Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.