Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Sheik destaca marcação do Mirassol, mas queria vitória mais 'fácil'

Atacante diz que elenco competitivo faz com que ele não tenha espaço entre os titulares

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

08 Março 2018 | 00h14

Emerson Sheik foi o destaque da vitória do Corinthians por 1 a 0 sobre o Mirassol nesta quarta-feira, na Arena Corinthians. Ao final do jogo, o experiente atacante disse que espera pela dificuldade da partida, mas que gostaria que o gol tivesse saído mais cedo.

+ Confira os lances da vitória do Corinthians

+ TABELA - Classificação do Paulistão

"A marcação forte era de se esperar. O Fábio (Carille) passou isso na preleção. Sabíamos da dificuldade, então era uma bola para acertar o gol. Problema é que demorou muito, mas o time conseguiu vencer", comemorou o jogador de 39 anos.

O gol marcado faz com que Emerson ganha ainda mais espaço na equipe, mas ele não demonstra ansiedade para passar a ser titular da equipe alvinegra. "O elenco é extremamente competitivo e o time está muito bem montado, jogando com qualidade e jogadores que são considerados os titulares estão bem. O importante é a gente que não vem iniciando estar bem e se sentir útil", comentou.

Um fato que chamou a atenção é que Cássio atravessou todo o gramado para ir comemorar o gol abraçando o companheiro. "É gostoso participar e ajudar. A felicidade tão boa quanto o gol é ver o Cássio vindo me abraçar depois do gol", completou.

O técnico Fábio Carille aprovou a atuação do atacante. "Ele tem melhorado bastante e estou gostando de suas atuações", analisou o comandante corintiano, que apesar dos elogios, ainda deve manter o atacante com opção no banco de reservas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.