Shevchenko rebate críticas feitas por imprensa inglesa

O atacante ucraniano Andriy Shevchenko, do Chelsea, rebateu os boatos publicados recentemente pela imprensa britânica contra ele. Segundo alguns veículos de comunicação do país, Shevchenko seria a causa pela qual o treinador da equipe, o português José Mourinho, não teria contado até o momento com a aprovação do magnata russo Roman Abramovich, dono do clube, para contratar os jogadores que tinha em mente. Além disso, outros rumores dão conta de que o jogador, que foi contratado pelo Chelsea em meados do ano passado, por expresso desejo de Abramovich, mantém o multimilionário russo a par do que ocorre nos vestiários da equipe, acusação que é veementemente negada pelo atacante. "Todos esses rumores são mentirosos. Muitíssimas mentiras foram ditas, e me machucaram muito, assim como à minha família. Eu sou um jogador, não um político", respondeu o jogador, em declarações feitas ao jornal britânico The Times. Shevchenko afirmou que está sendo atacado por todos os lados, mas que vem tentando "seguir em frente". "As pessoas estão passando dos limites, com as coisas que estão dizendo", esbravejou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.