Freruccio Feitosa/Divulgação
Freruccio Feitosa/Divulgação

Show de Elton John deixa o gramado da Arena Castelão amarelo

Secretário especial da Copa no Ceará, Ferruccio Feitosa, garante que tudo será normalizado

Lauriberto Braga, O Estado de S. Paulo

06 de março de 2014 | 11h38

FORTALEZA - A 98 dias da abertura da Copa do Mundo, o gramado do Castelão está amarelo e castigado. Depois do show do cantor britânico Elton John, semana passada, o gramado ficou no tom amarelado, o que foi provocado pela cobertura colocada sobre ele para a instalação de cadeiras. O procedimento danificou o gramado e o fez perder a cor. O secretário especial da Copa no Ceará, Ferruccio Feitosa, no entanto, garante que tudo será normalizado para a disputa do torneio em junho. No dia 5 de abril, outro show está marcado para a arena. Roberto Carlos se apresentará nesta data. De acordo com nota divulgada pelo secretário, a aparência do gramado não afeta a qualidade do jogo.

"Estamos seguindo recomendações dos técnicos da Fifa em relação aos cuidados com a grama do Castelão. Foram realizados cortes agressivos verticais e helicoidais, visando o melhor gramado possível para a Copa. Vale lembrar que, a não ser pela falta de estética, o gramado encontra-se vivo e sem nenhum problema fitossanitário e em poucos dias teremos a grama retomando sua cor original", disse.

O secretário também argumentou que o gramado foi elogiado durante a Copa das Confederações, em junho do ano passado, mesmo que semanas antes, no início de maio, tenha recebido um show de Paul McCartney. "Lembro que realizamos o show do Paul McCartney, no Castelão antes da Copa das Confederações e fomos eleito o melhor gramado do evento. Os profissionais sabem o que fazem!", afirmou.

O Castelão será palco de seis partidas na Copa do Mundo, sendo quatro da primeira fase (Uruguai x Costa Rica, Brasil x México, Alemanha x Gana e Grécia x Costa do Marfim), um das oitavas de final e um das quartas de final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.