Rubens Chiri/SPFC
Rubens Chiri/SPFC

Sidão admite que atuou com dores para tentar se firmar no São Paulo

De acordo com goleiro, situação foi responsável por desempenho ruim

O Estado de S.Paulo

24 de abril de 2017 | 15h38

Em recuperação de uma lombalgia, o goleiro Sidão admitiu que atuou com dores para tentar se firmar no São Paulo. Contratado por indicação do técnico Rogério Ceni, o jogador disputava posição com o então titular Denis. "O fato de arrastar a dor foi para querer me firmar e mostrar que eu tinha condições de defender as cores do São Paulo e ser titular", afirmou Sidão em entrevista à ESPN Brasil.

A situação, segundo o goleiro, foi responsável pelo desempenho ruim. "As dores estavam cada vez maiores e prejudicando minha produtividade e minha imagem no São Paulo. Achei que não valia a pena aguentar a dor, sendo que não estava atuando como o esperado."

Sidão optou por parar para se recuperar totalmente. "Acabei arrastando a dor em alguns jogos e treinamentos. Resolvemos tratar para que pudesse voltar zerado. Agora estou fazendo minha 'pré-temporada' particular para voltar a ficar à disposição."

Na sua volta, o goleiro encontrará um cenário diferente. A disputa agora é com Renan Ribeiro. Na ausência de Sidão, ele recebeu oportunidades e teve boas atuações no São Paulo. "A profissão nos dá a capacidade de aproveitar as oportunidades. Ceni deu a todos e Renan saiu melhor. Ele merece estar jogando hoje entre os titulares e espero que ele dê alegrias ao São Paulo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.