Sergio Perez/Reuters
Sergio Perez/Reuters

Simeone comemora classificação das tribunas e destaca força do novo estádio

"É a primeira página escrita do Metropolitano. Claramente, os estádios começam a se tornar fortalezas a partir de triunfos importantes"

Estadão Conteúdo

03 Maio 2018 | 20h18

O técnico Diego Simeone destacou nesta quinta-feira a força do Atlético de Madrid em seu novo estádio, o Metropolitano, inaugurado em setembro do ano passado. Para ele, a nova casa do time espanhol foi o diferencial para garantir a vitória por 1 a 0 sobre o Arsenal e a classificação para a decisão da Liga Europa.

+ Diego Costa marca, Atlético de Madrid vence Arsenal e vai à final da Liga Europa

"É a primeira página escrita do Metropolitano. Claramente, os estádios começam a se tornar fortalezas a partir de triunfos importantes. Hoje (quinta-feira) vi e senti o que sente o torcedor. É um estádio extraordinário. A gente entendeu que a equipe precisava ser empurrada e deu certo", afirmou.

Simeone assistiu ao jogo das tribunas porque precisou cumprir suspensão pela expulsão no jogo de ida contra o Arsenal, duelo que terminou empatado em 1 a 1. Quem ficou no banco de reservas nesta quinta-feira foi o auxiliar Germán Burgos.

"Chegar à final é fruto de um grande trabalho do clube, do corpo técnico e dos jogadores, que passaram todos esses anos para disputarem essas finais. É um passo importante e desejo que venha ainda algo maior, que é ser campeão contra o Olympique de Marselha."

O Olympique precisou da prorrogação para avançar à final. O time perdeu no tempo regulamentar por 2 a 0 para ed Bull Salzburg, mesmo placar do jogo de ida, mas marcou um gol no tempo extra e se classificou mesmo na casa do adversário. A final da Liga Europa está marcada para o dia 16, em Lyon.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.