Gustavo Oliveira/Atlético-PR
Gustavo Oliveira/Atlético-PR

Sob chuva, Atlético-PR e Corinthians ficam no 1 a 1

Com o resultado, o time rubro-negro continua na zona de rebaixamento; equipe corintiana ocupa o 12º lugar

GABRIEL MELLONI, Agência Estado

21 de julho de 2013 | 18h05

CURITIBA -

Na primeira ida do Corinthians com mais perigo, o time paulista buscou o empate, aos 25 minutos. Renato Augusto fez ótima jogada pela esquerda, insistiu, passou pelos marcadores e cruzou para a área. Alexandre Pato apareceu sozinho atrás dos defensores e tocou de cabeça, sem chances de defesa para Weverton.

A chuva deu uma trégua, mas o gramado já estava castigado o suficiente para que a partida continuasse prejudicada. Assim, o jogo só voltou a ficar bom no segundo tempo, e logo no início. Após cobrança de escanteio aos cinco minutos, Marcão cabeceou e Cássio fez boa defesa. No rebote, Everton tentou a finalização mesmo com pouco ângulo, mas acertou a trave.

O goleiro corintiano dava mostras de insegurança ao longo da partida e quase comprometeu aos 11 minutos, quando Marcelo foi à linha de fundo e cruzou rasteiro. A bola era fácil, mas Cássio não encaixou e ela sobrou para Paulo Baier, que parecia não esperar a oportunidade e acabou desperdiçando-a.

Como no primeiro tempo, o Atlético-PR seguia dono das ações, mas, também como na etapa inicial, o jogo caiu de ritmo depois dos primeiros minutos. O time da casa só voltou a chegar aos 26 minutos, quando Paulo Baier enfiou bola para Everton, que tentou a finalização, mas foi abafado por Cássio.

Mais três minutos e dessa vez Everton aproveitou saída errada de Edenilson para passar por Paulo André, invadir a área e ser novamente atrapalhado por Cássio. Na sequência, o Corinthians respondeu. Pato foi lançado, aproveitou erro de posicionamento de Manoel e avançou. Sozinho, tentou tirar de Weverton, que foi melhor e impediu o segundo do atacante.

Com o jogo empatado e a partida se aproximando do final, os dois times decidiram se expor um pouco mais e o nível do confronto melhorou. Aos 33 minutos, Paulo Baier cobrou falta com perigo. Cássio, dessa vez, salvou o Corinthians. Mas as emoções pararam por aí e jogo seguiu morno, sem grandes alterações, até o apito final.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-PR 1 X 1 CORINTHIANS

ATLÉTICO-PR - Weverton; Léo, Manoel, Luiz Alberto e Pedro Botelho; Bruno Silva, Juninho (Zezinho), Everton e Paulo Baier; Marcelo e Marcão (Ederson). Técnico: Vágner Mancini.

CORINTHIANS - Cássio; Edenílson, Gil, Paulo André e Fábio Santos (Alessandro); Maldonado, Guilherme, Renato Augusto e Danilo; Romarinho (Ibson) e Pato (Douglas). Técnico: Tite.

GOLS - Marcão, aos quatro, e Alexandre Pato, aos 25 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG).

CARTÕES AMARELOS - Pedro Botelho, Everton, Manoel (Atlético-PR); Renato Augusto, Danilo, Paulo André, Douglas (Corinthians).

RENDA - R$ 180.600,00.

PÚBLICO - 6.799 pagantes (7.875 presentes).

LOCAL - Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.