Axel Heimken/EFE
Axel Heimken/EFE

Sob clima de tensão, Hamburgo vence o Dortmund no Alemão

Após varredura da polícia no estádio, time da casa faz 3 a 1 

Estadão Conteúdo

20 de novembro de 2015 | 19h53

O clima definitivamente é de tensão na Alemanha, após os ataques em Paris na semana passada e a ameaça de que eles possam se estender a outros países da Europa. Prova disso foi o atraso no único jogo do dia do Campeonato Alemão. O Hamburgo venceu o Borussia Dortmund por 3 a 1, em casa, em duelo que começou atrasado, justamente pelo temor que tomou conta do país.

A partida começou com 15 minutos de atraso por medida de segurança. Como a revista dos torcedores foi mais minuciosa e demorada, ainda havia muita gente fora do estádio na hora marcada para o jogo, o que levou a organização a atrasar o início para que todos pudessem entrar.

Em campo, o Hamburgo mostrou-se amplamente superior e levou os três pontos que o levaram a 18, na oitava colocação. Na próxima rodada, dia 28, a equipe vai encarar o Werder Bremen fora de casa. O Borussia, por sua vez, segue na segunda posição, com 29 pontos, e perdeu a chance de encostar no Bayern de Munique, que tem 34. No dia 29, receberá o Stuttgart.

Apesar da situação na tabela, foi o Hamburgo que começou melhor nesta sexta e abriu o placar aos 19 minutos, quando Lasogga marcou após pênalti cometido pelo goleiro Buerki. O segundo saiu ainda no primeiro tempo, aos 41. Após saída de bola errada do Borussia, Holtby recebeu na área e tocou cruzado.

O Borussia voltou para a segunda etapa disposto a reagir, mas levou um balde de água fria com o gol contra de Hummels, de cabeça, aos 10 minutos. Na reta final, Aubameyang ainda diminuiu após boa jogada. Os visitantes, então, se jogaram à frente e chegaram a marcar o segundo, novamente com Aubameyang, mas o árbitro marcou impedimento. A reação, então, parou por aí.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.