Sob forte calor, Fluminense treina jogadas aéreas para duelo com o Cruzeiro

Em preparação para o duelo com o Cruzeiro, domingo, às 11 horas, no Mineirão, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense treinou sob forte calor nesta sexta-feira nas Laranjeiras, em uma tentativa de se adaptar melhor às condições que vai precisar encarar no fim de semana.

Estadão Conteúdo

16 de outubro de 2015 | 16h17

"Os treinos foram pela manhã para ter uma adaptação. Ainda vamos perder mais uma hora de sono. Neste sentido, tomamos alguns cuidados tanto na parte nutricional como na física. O clima vai ser parecido com este daqui. Acho perigoso um jogo desse porte em um horário desse", afirmou o técnico Eduardo Baptista.

Neste trabalho, o foco da comissão técnica foi nas jogadas de bola parada, com os meias Gustavo Scarpa e Vinícius sendo os encarregados pelos cruzamentos para a área. Além disso, Eduardo Baptista pediu para os jogadores valorizem a posse de bola, em uma tentativa de minimizar o desgaste físico.

"Difícil. Vamos jogar num clima muito quente. O time tem que ser inteligente, jogar bem posicionado e organizado para não se desgastar. Não pode rifar a bola para não ter que correr atrás", avaliou o treinador.

O lateral-direito Wellington Silva e o volante Pierre deram sequência ao trabalho de transição para a preparação física, mas já estão descartados para o duelo com o Cruzeiro. Já a novidade do treinamento desta sexta foi a presença do lateral-direito Jonathan.

Na atividade, aliás, Eduardo Baptista não indicou a escalação do Fluminense. E a principal dúvida está na lateral esquerda, pois Giovanni e Leo Pelé estão machucados, enquanto Breno Lopes pertence ao Cruzeiro. Assim, Eduardo Baptista poderá ter que adotar uma improvisação, com Gustavo Scarpa sendo o favorito para ocupar a vaga. A outra opção é o jovem Ayrton, de 18 anos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.