Vitória/Divulgação
Vitória/Divulgação

Sob muita chuva, Vitória e Atlético-MG ficam no 1 a 1

Resultado foi ruim para os dois times, que seguem na parte de baixo da tabela do Brasileirão

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

07 de setembro de 2013 | 20h45

SALVADOR - Sob muita chuva e em gramado encharcado, Vitória e Atlético-MG empataram em 1 a 1, na noite de deste sábado, em Salvador. O no Campeonato Brasileiro. O time baiano, com 23 pontos, dorme na 12ª posição. Já a equipe mineira, que chegou a 22 pontos, está na 16ª posição e segue ameaçada pela zona de rebaixamento.

Apesar da forte chuva, que deixou o gramado do Barradão pesado, o jogo começou movimentado, com os dois times buscando o ataque. E foi o gramado molhado que propiciou ao Vitória abrir o placar, aos 16 minutos. O zagueiro Emerson, do Atlético-MG, tentou recuar para Victor, mas a bola parou em uma poça de água e o goleiro teve de dividir com o atacante Dinei, do Vitória. Marquinhos aproveitou a sobra e empurrou para o gol vazio.

A vantagem animou ainda mais o time baiano, que passou a sufocar o Atlético-MG, mas sem criar chances reais de gol. O Atlético-MG só voltou a equilibrar as ações aos 30 minutos - quando perdeu uma chance incrível.

Guilherme roubou a bola de Marquinhos, na lateral da grande área do Vitória, e cruzou. Três jogadores do time mineiro estavam na linha da pequena área, mas Leonardo Silva errou a conclusão e a bola ainda bateu em Diego Tardelli antes de ir para a linha de fundo. Aos 39, foi a vez de o Vitória desperdiçar boa chance. Victor Ramos roubou a bola e tocou para Maxi Biancucchi, que chutou forte, mas à esquerda do gol de Victor.

Tal como a primeira etapa, o segundo tempo começou com os dois times buscando o ataque. O gramado alagado, porém, atrapalhava as trocas de bola. Tanto que a primeira oportunidade real só apareceu aos 11 minutos, com Emerson cabeceando para fora depois de bom cruzamento de Ronaldinho Gaúcho, pela direita.

A partir dos 15 minutos, o Atlético-MG passou a pressionar mais, mas tinha dificuldades para chegar ao gol defendido por Wilson. Tanto que a melhor chance do time foi com falta cobrada por Gaúcho, perto da entrada da área, que passou muito perto da trave esquerda do Vitória, aos 18 minutos. O Vitória não conseguia mais ligar os contra-ataques e passou a se defender.

Apenas aos 32 minutos a equipe mineira voltou a levar perigo, em jogada individual de Neto Berola. O atacante, que havia entrado no lugar de Diego Tardelli, passou a bola entre as pernas de Victor Ramos e chutou forte, mas para fora. Desta vez, porém, o Vitória respondeu. Aos 36, o atacante Leilson aproveitou vacilo da zaga e chutou forte, para boa defesa de Victor.

O Atlético seguiu pressionando e, em um erro da zaga do Vitória, acabou chegando ao empate. Aos 40 minutos, o zagueiro Kadu tentou interceptar um lançamento da defesa atleticana, mas, pressionado por Fernandinho, acabou pegando mal na bola. Neto Berola aproveitou e, sozinho, finalizou bem, sem chance para Wilson.

"A gente não soube administrar o resultado", lamentou o meia do Vitória, Renato Cajá, ao fim da partida. "A gente fica feliz de levar um ponto para casa", comemorou Ronaldinho Gaúcho, por outro lado.

Na próxima rodada, o Vitória vai a Novo Hamburgo (RS), onde pega o Internacional, na quinta-feira, às 19h30. No mesmo dia, mas às 21 horas, o Atlético-MG recebe o Coritiba no Estádio Independência, em Belo Horizonte.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA 1 X 1 ATLÉTICO-MG

VITÓRIA - Wilson; Ayrton, Victor Ramos, Kadu e Juan; Michel, Cáceres, Renato Cajá (Alemão) e Marquinhos (Neto Coruja); Maxi Biancucchi (Leilson) e Dinei. Técnico: Ney Franco.

ATLÉTICO-MG - Victor; Michel, Leonardo Silva, Emerson e Richarlyson; Josué, Rosinei (Dátolo) e Ronaldinho Gaúcho; Fernandinho, Diego Tardelli (Neto Berola) e Guilherme (Luan). Técnico: Cuca.

GOLS - Marquinhos, aos 16 minutos do primeiro tempo, e Neto Berola, aos 40 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Raphael Claus (SP).

CARTÕES AMARELOS - Kadu (Vitória); Ronaldinho Gaúcho, Rosinei, Richarlyson e Neto Berola (Atlético-MG).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador (BA).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.