Gustavo Aleixo/Cruzeiro
Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Sob o olhar do prefeito Kalil ao isolamento da covid, Cruzeiro leva sua torcida ao Mineirão

Jogo com o Confiança é o primeiro do returno da Série B nesta sexta e também com o retorno do público no estádio após liberação dos órgãos competentes de saúde

Redação, Estadão Conteúdo

20 de agosto de 2021 | 09h17

A grande atração da partida entre Cruzeiro e Confiança nesta sexta-feira, às 21h30, pela 20.ª rodada da Série B estará fora de campo. O Mineirão, em Belo Horizonte, voltará a receber público num torneio nacional - primeiro jogo do returno da campeição. O comportamento dos cruzeirenses estará sob o olhar do prefeito da capital mineira, Alexandre Kalil, após ele condenar a "falta de irresponsabilidade" dos atleticanos no jogo contra o River Plate em relação aos protocolos contra a covid-19. Se não der certo, o mandatário prometeu voltar atrás em sua decisão de abrir as portas dos estádios na cidade.

É nesta confiança da torcida que o time mineiro comandado por Vanderlei Luxemburgo pretende manter a arrancada na segunda divisão. "Convocar o centroavante (a torcida) da equipe. Não é o 12º jogador. É o centroavante, ele é o primeiro que chega, prepara as bandeiras, se prepara todinho para receber os jogadores. Lotação máxima, com 30% da carga liberada, porque vamos precisar de vocês", disse o técnico, que aceitou fazer um trabalho de recuperação do time.

Ao vencer o ex-líder Náutico, por 1 a 0, em Recife, o Cruzeiro completou seis jogos sem derrota e chegou aos 21 pontos. Agora, os mineiros tentam melhorar o desempenho em casa, uma vez que têm a quarta pior campanha como mandante - uma vitória, seis empates e duas derrotas. O Confiança perdeu as últimas três partidas. Ao cair diante do Remo (2 a 1), o time sergipano se manteve na zona de rebaixamento, com apenas 13 pontos.

No Cruzeiro, Luxemburgo pode colocar no ataque o jogador Wellington Nem no lugar de Dudu. Na lateral-esquerda, Jean Victor até estava apto após cumprir suspensão, mas por causa do desgaste físico, fica de fora. Assim, Matheus Pereira continua no time titular. O treinador não vai contar com Raúl Cáceres e Lucas Ventura, ambos com entorse no tornozelo. Ariel Cabral está com desgaste físico e também não deve atuar. Já Marcinho e Matheus Neris estão isolados por causa da covid-19, enquanto Henrique se recupera de cirurgia no joelho. Luxemburgo tem muitos problemas, mas está animado em trabalhar novamente diante do torcedor, que costuma ser mais ativo quando seu time ocupa situação complicada.

No Confiança, o técnico Zé Carlos Leal terá as voltas do zagueiro Nirley e do lateral-esquerdo João Paulo que cumpriram suspensão. O defensor deve pegar a vaga de Vinícius Santana, enquanto João Paulo entra no lugar de Lucas Sampaio. Willians Santana e Gustavo Ramos estão fora por cartão. Luidy e Ítalo disputam a vaga no ataque ao lado do veterano Hernane Brocador. No meio-campo, Serginho deve ser uma das novidades. Rafael Santos (musculatura da coxa), Neto Berola (ombro) e Caíque Sá (joelho), enquanto isso, seguem entregues ao departamento médico.

AVAÍ X CORITIBA

Em Florianópolis, às 19 horas, Avaí e Coritiba farão o primeiro jogo da Série B com a presença do VAR (árbitro de vídeo). A partida entre os sulistas colocará frente a frente dois integrantes do G-4. O Coritiba foi campeão simbólico do turno ao vencer a Ponte Preta por 2 a 0. Com 36 pontos, o clube paranaense tem três de vantagem para o Avaí, que superou o Sampaio Corrêa, também por 2 a 0.

Sem problema por suspensão, Claudinei Oliveira poderá colocar em campo equipe bem semelhante com a da rodada passada. A única mudança deve acontecer na defesa. Recuperado de lesão, Fagner Alemão pode recuperar a titularidade, na vaga de Rafael Pereira ou Betão. No Coritiba, o técnico Gustavo Morínigo não tem problemas de baixas e deve repetir o time da rodada anterior. Natanael foi absolvido pelo STJD pela expulsão contra o CRB e está liberado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.