Daniel Augusto Jr./ Ag. Corinthians/ Divulgação
Daniel Augusto Jr./ Ag. Corinthians/ Divulgação

Sob pressão, Corinthians volta para casa e recebe o Vitória na arena

Equipe alvinegra tenta se reabilitar após derrota para o Grêmio

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

22 Agosto 2016 | 07h03

Longe de casa há quase um mês, o Corinthians recebe o Vitória nesta segunda-feira, às 20h, no Itaquerão, com a obrigação de vencer para não aumentar ainda mais a pressão sobre o trabalho de Cristóvão Borges e também não se distanciar das primeiras colocações. 

A última vez que o Corinthians jogou em seu estádio foi no dia 23 de julho, quando empatou por 1 a 1 com o Figueirense. Depois, atuou fora de casa e teve que receber o Cruzeiro no Pacaembu, enquanto a arena era utilizada para a disputa dos Jogos Olímpicos, encerrados no domingo. 

De volta ao lar, o Corinthians, que já liderou o Campeonato Brasileiro, começou a rodada na quinta colocação e com o técnico Cristóvão Borges bastante pressionado após a derrota por 3 a 0 para o Grêmio, em Porto Alegre. O time tem caído de rendimento nas últimas rodadas e, por isso, o treinador decidiu mexer no time.

O comandante corintiano decidiu tirar os criticados Giovanni Augusto e André para as entradas, respectivamente, de Rodriguinho e Guilherme. Além disso, Elias está de volta, após cumprir suspensão. A expectativa fica para o reencontro do jogador com a torcida corintiana.

Após o empate com o Cruzeiro, o meia deu entrevista criticando a postura da torcida, que vaiou a equipe durante o jogo. Irritado, Elias disse que os corintianos lembravam os torcedores do São Paulo, por reclamarem demais do time. 

No Vitória, o volante Willian Farias e o atacante Marinho foram poupados de alguns treinos durante a semana, mas devem jogar normalmente. O zagueiro Kanu, recuperado de gripe e de pubalgia, também deve ter condições de jogos. 

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Romero, Rodriguinho e Marquinhos Gabriel; Guilherme

Técnico: Cristóvão Borges

VITÓRIA: Fernando Miguel; Diogo Mateus, Victor Ramos, Kanu e Diego Renan; Amaral (Marcelo), Willian Farias e Cárdenas; Vander, Marinho e Kieza

Técnico: Vágner Mancini

JUIZ: Bruno Arleu de Araujo (RJ)

LOCAL: Itaquerão, em São Paulo

HORÁRIO: 20h

 

Notícias relacionadas
Mais conteúdo sobre:
Corinthians Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.