André Palma Ribeiro/Avaí
André Palma Ribeiro/Avaí

Sob risco de demissão, Claudinei Oliveira tenta fazer Avaí surpreender Botafogo

Com apenas cinco pontos, time catarinense é o lanterna do Campeonato Brasileiro

Estadao Conteudo

26 de junho de 2017 | 07h46

O técnico Claudinei Oliveira está com a corda no pescoço. A derrota dentro de casa para o Fluminense, por 3 a 0, na última quarta-feira, abalou a confiança do Avaí, que no fechamento desta décima rodada tenta surpreender o Botafogo nesta segunda, às 20 horas, no Engenhão. O grupo viajou para o Rio de Janeiro consciente da obrigação de ao menos evitar uma nova derrota.

Com apenas cinco pontos, todos conquistados em casa, em 27 disputados, o Avaí é o lanterna da competição. A única vitória aconteceu na quarta rodada, na qual bateu o Sport por 1 a 0, na Ressacada, além de dois empates e mais seis derrotas. Só nos últimos cinco jogos o time perdeu quatro vezes, além do 1 a 1 com o Flamengo nesta sequência. 

A principal dor de cabeça de Claudinei Oliveira é o experiente meia Marquinhos. Ele foi poupado do último trabalho com bola e se tornou a principal preocupação. O meia sentiu um desconforto no músculo da coxa esquerda. Caso não jogue, Willians aparece como a principal opção para sua vaga.

Outra preocupação é o goleiro Maurício Kozlinski. Ele falhou na derrota para o Fluminense e teve sua titularidade colocada em xeque. Claudinei trabalha com a possibilidade de Douglas começar a partida no time principal, mas ainda mantém a dúvida.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAvaíCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.