Soldados alemães estão prontos para ajudar na segurança

Um contingente de 7 mil soldados alemães está pronto para respaldar o dispositivo de segurança durante o Mundial em caso de necessidade. No entanto, as suas possibilidades de atuação são bastante restritas, já que a Constituição alemã proíbe a intervenção do exército no interior do país.De acordo com o chefe do comando militar estabelecido para o Mundial, Kersten Lehl, todos os preparativos já foram concluídos e os soldados estão prontos para atuar. Suas tarefas ficam restritas a salvamento, vigilância aérea com os aviões de reconhecimento AWAC, e o destacamento de especialistas em armas atômicas, biológicas e químicas. Atividades típicas de policiais, como a detenção de pessoas, somente são permitidas quando acontece um ataque a um quartel militar.O ministro do Interior, Wolfgang Schaeuble, desejava ampliar as competências do exército. No entanto, sofreu resistência não somente de seu parceiro de coalizão política, os social-democratas, como também do Tribunal Constitucional, que recentemente deixou claro os limites de atuação do exército em território alemão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.