Somente um desastre tira título da Série D do Brasileiro das mãos do Operário-PR

Time paranaense pode perder até por 4 a 0 que mantém vantagem

Estadão Conteúdo

10 de setembro de 2017 | 08h14

Só mesmo um grande desastre vai tirar o título inédito do Campeonato Brasileiro da Série D - a quarta divisão nacional - das mãos do Operário-PR. Ele recebe neste domingo o Globo-RN na cidade de Ponta Grossa (PR). Como goleou na ida, em Ceará-Mirim (RN), por 5 a 0, o time paranaense pode perder até por 4 a 0, o que parece bem improvável. O duelo começa às 19 horas no estádio Germano Kruger, que vai estar lotado.

Caso o clube potiguar devolva o placar de 5 a 0, o título será decidido nos pênaltis. Operário-PR e Globo-RN já estão com o acesso para a Série C do ano que vem garantido, assim como Atlético-AC e Juazeirense-BA, os outros semifinalistas. Os 8.832 ingressos estão esgotados e a expectativa é de muita festa para comemorar o título.

Operário-PR e Globo-RN tiveram campanhas parecidas. Em 15 partidas, o time paranaense venceu 11, empatou uma e perdeu três, enquanto que o potiguar venceu 10 e perdeu cinco jogos.

Os paranaenses marcaram 23 gols e sofreram sete, com a melhor defesa, e os potiguares marcaram 20 e sofreram 15 gols. Nunca um time do Paraná ou do Rio Grande do Norte venceu a Série D. Pode ser também a primeira vez que um clube do Sul fature o torneio. A região Nordeste possui três títulos.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.