Sorocaba decide manter o técnico Giba

O Atlético Sorocaba, próximo adversário do Corinthians, não vive um bom momento. Apesar da declaração do vice-presidente do Atlético Sorocaba, Valdir Cipriani, de que mudanças drásticas deveriam acontecer no time após a derrota diante do União São João, por 4 a 3, pela segunda rodada do Campeonato Paulista, o técnico Giba vai ser mantido no cargo. Segundo o diretor de futebol Marcos Bagatella, as mudanças não dizem respeito à comissão técnica. "É normal quando se fala em mudanças todos irem em cima do técnico. Mas Giba continuará no comando, porque ele simplesmente é o técnico do Atlético. As mudanças podem ser no time, na direção ou na forma de jogar", esclareceu o diretor. O treinador teve uma conversa rápida com diretores na parte da tarde desta segunda-feira, por volta das 16 horas, mas depois comandou normalmente o treinamento. Ele foi enérgico em tentar mostrar que a mudança que deve acontecer é na forma do time jogar. Para ele, o grande problema é a falta de entrosamento. Contudo, ainda no domingo, Giba colocou o cargo à disposição da diretoria, com as palavras: "Não sou mágico, venho fazendo o melhor dentro do possível", desabafou. Curiosamente, o próximo adversário do Atlético Sorocaba é o Corinthians, que também começou a competição estadual com duas derrotas. Na primeira rodada, o Atlético apenas empatou sem gols em casa com a Portuguesa Santista e irritou sua torcida com o desempenho abaixo do esperado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.