Sorteio dos grupos da Eurocopa acontece neste sábado sob forte segurança em Paris

Ainda sob o impacto dos ataques terroristas que deixaram 130 mortos e centenas de feridos, a capital da França recebe neste sábado o sorteio dos grupos da Eurocopa de 2016. Autoridades francesas isolaram a área onde ocorrerá a solenidade que vai definir o futuro das 24 seleções do continente que se classificaram para o torneio.

Estadão Conteúdo

12 de dezembro de 2015 | 08h33

Todos, entre autoridades esportivas, convidados e torcedores, precisam passar por uma minuciosa revista para acompanhar o sorteio. A polícia francesa isolou a área e montou barreiras para impedir o trânsito de veículos. A ordem é parar qualquer pessoa em atitude suspeita e usar a força, caso seja necessário. Tudo para garantir a segurança do evento.

Com apresentação do ex-jogador francês Bixente Lizarazu e de Ruud Gullit, craque que defendeu a seleção da Holanda campeã da Eurocopa de 1988 (mas que não verá seu país no torneio, já que os holandeses não passaram das Eliminatórias), o sorteio começará às 15h (horário de Brasília). A maior expectativa é em relação ao destino da Itália, única potência que não figura entre os seis cabeças de chave.

Além da anfitriã França, que vai para o Grupo A, Alemanha, Bélgica, Espanha, Inglaterra e Portugal, cinco primeiras colocadas no ranking da Uefa de seleções em outubro, ocuparão as vagas de número 1 das chaves.

Com isso, um destes participantes sabe que encarará a Itália. Além dos italianos, compõem o segundo pote do sorteio Áustria, Croácia, Rússia, Suíça e Ucrânia. No terceiro aparecem Eslováquia, Hungria, Polônia, República Checa, Romênia e Suécia, enquanto o quarto é composto por Albânia, Irlanda, Islândia, País de Gales, Irlanda do Norte e Turquia.

A abertura da Euro-2016 será no dia 10 de junho, no Stade de France, em Saint-Denis, com a participação da seleção da França. Da fase inicial da competição, avançarão os dois primeiros colocados de cada grupo, além dos quatro melhores terceiros, que disputarão inédita oitavas de final. A partir daí, a Euro passa a ser eliminatória, terminando em 10 de julho, também no Stade de France.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolEurocopasorteiosegurança

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.