Felipe Rau/Estadão - 09/02/2015
Felipe Rau/Estadão - 09/02/2015

Souza diz que clássico com Santos não é teste para Libertadores

Volante rejeita com veemência a ideia de que jogo na Vila sirva meramente como preparação para torneio sul-americano

Gonçalo Junior, O Estado de S. Paulo

10 de fevereiro de 2015 | 18h44

O volante Souza, que deverá retornar ao time do São Paulo depois de doze dias em recuperação por causa de um trauma na perna direita, afirma que o clássico contra o Santos, nesta quarta-feira, não pode ser considerado um teste. Até o momento, o São Paulo enfrentou equipes do interior no Campeonato Paulista e acumula três vitórias. Na próxima semana, no dia 18, inicia sua participação na Copa Libertadores, provavelmente contra o Corinthians.

"Clássico não é teste. É um jogo importante, para ser vencido. É a chance que temos de medir nossa força contra um elenco tão forte como o nosso. Não podemos pensar em teste", afirmou o volante. "É um jogo que vale pontos e também vale nossa invencibilidade. Vamos tentar vencer de todas as formas", completou.

Mesmo que o Santos esteja em um momento de reconstrução, depois da saída de Edu Dracena, Aranha e Arouca, enquanto o São Paulo manteve sua base, o volante evita falar em favoritismo. "Não dá para colocar o São Paulo como favorito. Vamos jogar na casa deles. É sempre difícil jogar lá. Pelo Grêmio, nunca venci jogando lá", compara.

O São Paulo poderá ter duas novidades para o jogo. O zagueiro Dória e o atacante Centurión estão com a documentação regularizada e só dependem da avaliação do técnico Muricy Ramalho para estrear. Souza avalia que seria importante que os dois estivessem com o grupo, mesmo que não joguem. 

"É importante que os dois se entrosem com o grupo. O Centurión é um pouco tímido, mas vai se enturmar logo. Apesar de argentino, nós já gostamos muito dele", sorriu o volante, que estendeu os elogios. "Conversei com o Ganso e nós ficamos surpresos. Pensamos que ele era um jogador de velocidade, mas é um jogador muito inteligente", afirma.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCSouza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.