Souza pede jogo perfeito ao Grêmio contra o Cruzeiro

O meia Souza afirmou nesta terça-feira que o Grêmio terá de fazer uma partida perfeita contra o Cruzeiro, na quinta-feira, no Estádio Olímpico, para alcançar a final da Libertadores.

AE, Agencia Estado

30 de junho de 2009 | 15h31

O time gaúcho perdeu por 3 a 1 no primeiro jogo da semifinal, no Mineirão, e precisa vencer o rival por 2 a 0 para avançar; se levar um gol, o time precisa de três de vantagem. Caso vença por 3 a 1, a decisão vai para os pênaltis.

"Temos de fazer o jogo perfeito. Precisamos marcar e não sofrer gols. Cada um tem que fazer o seu melhor. É difícil, mas não é impossível. Tem que ser o jogo do ano", disse Souza.

O meia também falou que não teme as adversidades e que está pronto para encarar o Estádio Olímpico lotado. "Já passei por situações difíceis na vida, já passei fome. Não vai ser um jogo com 50 mil no estádio que vai me fazer tremer. Eu gosto desse tipo de partida", comentou o jogador.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLibertadoresGrêmioSouza

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.