Souza quer passar a ser titular

O técnico Paulo Autuori confirmou: todos os reservas do São Paulo na primeira partida da final da Taça Libertadores contra o Atlético-PR estarão em campo neste sábado contra o Flamengo pelo Campeonato Brasileiro. Para o meia Souza, será uma oportunidade única de convencer o treinador a escalá-lo como titular na decisão continental, prevista para quinta-feira no Morumbi.O jogador está em uma situação inusitada no São Paulo. Autuori dividiu os atletas em dois grupos - os que jogam na Libertadores e os que atuam no Brasileiro - mas Souza é o único que não se encaixa em nenhum deles. O meia vem sendo aproveitado tanto ao longo das partidas do torneio continental e como também como titular no nacional."Hoje acho que sou o 12.º jogador na equipe da Libertadores, mas estou lutando para ser o 11.º", classifica Souza. "E vou fazer o melhor que puder no sábado para, quem sabe, ganhar uma chance entre os titulares quinta-feira." O meia garante que não se trata apenas de aparecer na foto dos titulares que podem ser campeões da Libertadores. "O mais importante para mim é fazer parte de um grupo vencedor. Mas, lógico, quero jogar e estar sempre no time principal."Souza garante que a transição de um time para outro não causa confusão. "A única coisa é que é mais fácil jogar no time da Libertadores, pois há mais entrosamento. A equipe do Brasileiro está fazendo apenas sua terceira partida consecutiva."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.