Souza reclama de vacilo do São Paulo e pede atenção

Time estava vencendo, mas sofreu o empate do Sao Bernardo e segue se ganhar fora de casa

Agência Estado

20 de fevereiro de 2014 | 23h12

SÃO BERNARDO DO CAMPO - Os jogadores do São Paulo saíram rapidamente do gramado do estádio 1.º de Maio, em São Bernardo do Campo (SP), nesta quinta-feira, após o empate com o São Bernardo, pelo Campeonato Paulista. Um dos poucos que se arriscaram a falar, o volante Souza criticou duramente o desempenho da equipe e pediu mais atenção nas partidas.

"Precisamos saber administrar o resultado. Saímos na frente, não podemos tomar um gol bobo como tomamos e ainda correr o risco de levar o segundo como aconteceu aqui, não podemos. A vitória estava de bom tamanho", criticou o jogador. Foi o primeiro ponto somado fora do Morumbi pelo time, que havia perdido as três partidas anteriores até então.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 14 pontos e ficou a quatro de distância para o Penapolense, líder do Grupo A. O time tricolor no entanto se beneficiou da derrota do Linense, terceiro (10 pontos), e não perderá a posição pelo menos até a próxima rodada, no clássico contra o Santos, neste domingo, no Morumbi.

Souza, porém, mostra insatisfação com a posição no grupo. "É pouco para o São Paulo. Time grande tem que estar em cima; estamos treinando forte mas falta um resultado fora pra ganhar confiança", ponderou.

O elenco do São Paulo se reapresenta nesta sexta à tarde e já inicia a preparação para o clássico contra o Santos. O volante Wellington, que cumpriu suspensão, fica à disposição do técnico Muricy Ramalho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.