Rubens Chiri/Divulgação
Rubens Chiri/Divulgação

São Paulo festeja gol que encerrou oito anos de jejum de Breno

Zagueiro marca contra o Avaí e supera fase difícil como presidiário

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

21 de setembro de 2015 | 17h52

O gol de Breno foi o único motivo que fez o São Paulo comemorar no domingo, quando perdeu por 2 a 1 para o Avaí, pelo Campeonato Brasileiro. O jogador não marcava há oito anos e nesse período, passou quase três anos preso na Alemanha, trajetória que fez o elenco vibrar bastante pelo feito conquistado no estádio da Ressacada, em Florianópolis.

Aos 43 minutos do primeiro tempo o defensor recebeu a bola na área e chutou cruzado para empatar. A euforia da comemoração levou até mesmo os reservas e membros da comissão técnica a entrarem no gramado para abraçar Breno. A festa, inclusive, levou o árbitro a mostrar o cartão amarelo para o lateral Auro.

"O Breno sofreu bastante, teve uma vida dura e está reconquistando as coisas. É um momento especial para ele. Pena que o árbitro não nos deixou comemorar junto", comentou nesta segunda-feira o atacante Alexandre Pato, que estava no banco de reservas no momento do gol do São Paulo.

Pato contou que no intervalo o elenco comemorou bastante o gol do zagueiro. Breno voltou ao São Paulo no começo do ano depois de ficar preso na Alemanha por atear fogo à própria casa. A reestreia dele foi em agosto, contra o Corinthians, e no último domingo, além do gol, ele ainda foi o capitão da equipe.

"Fiquei muito feliz pelo gol. Mas, ao mesmo tempo, estou triste porque perdemos o jogo", disse Breno em entrevista ao site oficial do São Paulo. O último gol dele foi também pelo time, em 15 de setembro de 2007, quando marcou na vitória por 2 a 1 sobre o Santos, pelo Campeonato Brasileiro, no Morumbi.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCBrenoBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.