Sport bate reservas da Ponte Preta e fecha Brasileiro em sexto

Sport bate reservas da Ponte Preta e fecha Brasileiro em sexto

É a maior pontuação de um time do Nordeste nos pontos corridos

Estadão Conteúdo

06 de dezembro de 2015 | 19h45

O Sport fechou a boa campanha que realizou neste Campeonato Brasileiro com uma vitória sobre os reservas da Ponte Preta por 1 a 0, neste domingo, no estádio Moisés Lucarelli, pela 38.ª e última rodada. Diego Souza foi o autor do único gol marcado em Campinas.

Apesar de ter feito uma boa campanha - 11.ª colocada, com 51 pontos - e ter atingido o objetivo principal - escapar do rebaixamento -, a Ponte Preta termina o Brasileirão amargando um jejum de cinco jogos sem vitória. Uma das principais surpresas da competição, o Sport ficou na sexta colocação, com 59 pontos.

Apesar de estar com um time praticamente todo reserva, a Ponte Preta foi superior ao Sport durante o primeiro tempo e, apostando na velocidade de Leandrinho e Clayson, criou as principais oportunidades. Na melhor delas, Leandrinho aproveitou cruzamento e tocou na saída de Danilo Fernandes, mas a bola caprichosamente saiu por cima. O máximo que o time pernambucano fez foi reclamar de um pênalti em cima de André, não assinalado pelo árbitro carioca Péricles Bassols Pegado Cortez.

O segundo tempo começou com a Ponte Preta assustando o goleiro Danilo Fernandes, tanto que chegou a balançar as redes com Tiago Alves, mas a arbitragem assinalou impedimento do zagueiro alvinegro.

O Sport foi crescendo de produção e abriu o placar com Diego Souza, que girou em cima da zaga e bateu na saída de João Carlos, aos 16 minutos. Depois, o time pernambucano ainda teve chance de ampliar com André, mas Jeferson salvou em cima da linha.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 0 x 1 SPORT

PONTE PRETA - João Carlos; Jeferson, Tiago Alves, Fábio Ferreira e Gilson; Josimar, Marcos Serrato (Felipe) e Cristian (Keno); Clayson, Leandrinho (Adrianinho) e Alexandro. Técnico: Felipe Moreira.

SPORT - Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Ronaldo, Neto Moura (Éwerton Páscoa), Diego Souza, Élber (Maikon Leite) e Danilo (Samuel); André. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

GOL - Diego Souza, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Cristian, Marcos Serrato e Alexandro (Ponte Preta); André e Élber (Sport).

ÁRBITRO - Péricles Bassols Pegado Cortez (Fifa/RJ).

RENDA - R$ 37.660,00.

PÚBLICO - 2.542 pagantes.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoSportPonte Preta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.