Acervo / Chapecoense
Acervo / Chapecoense

Sport contrata técnico Guto Ferreira após saída de Milton Cruz

Antigo treinador pediu demissão alegando ter sofrido 'pressão interna'

Redação, Estadão Conteúdo

20 de fevereiro de 2019 | 12h26

Guto Ferreira é o novo técnico do Sport. O clube acelerou o anúncio do novo treinador, pois vinha sendo pressionado pela torcida desde o pedido de demissão de Milton Cruz, na segunda-feira. O novo comandante está sem clube desde outubro do ano passado, quando comandou a Chapecoense no Campeonato Brasileiro. A grande missão na temporada é garantir o acesso na Série B e buscar o título do Pernambucano.

Logo de cara Guto Ferreira vai ter que lidar com a instabilidade do Sport. Milton Cruz pediu demissão alegando "pressão interna" e não gostou das cobranças da diretoria, principalmente depois da eliminação ainda na primeira fase da Copa do Brasil, ao perder por 3 a 0 para o Tombense em Minas Gerais. Além disso, o clube vem de derrota para o Santa Cruz no clássico, por 1 a 0, e caiu para a terceira posição do Estadual.

Apesar de ser de Piracicaba, cidade do interior do estado de São Paulo, Guto Ferreira é reconhecido no Nordeste. Ele teve duas passagens de sucesso pelo Bahia e foi campeão da Copa do Nordeste de 2017 justamente em cima do Sport, seu novo clube. Na carreira, trabalhou também na Ponte Preta, Chapecoense, Portuguesa e Internacional.

Eliminado da Copa do Brasil e fora da Copa do Nordeste, Guto Ferreira tem o primeiro semestre para trabalhar o time e buscar o título do Campeonato Pernambucano. O clube tem 12 pontos na terceira posição, mas ainda pode ser ultrapassado pelo Náutico, que tem um jogo a menos. A estreia do treinador deve ser no dia 28 de fevereiro, quinta-feira, contra o Afogados na Ilha do Retiro, pela 7ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.