Sport vence Botafogo e esquenta briga contra degola

O Sport continua na briga para não ser rebaixado para a segunda divisão. Neste domingo à noite, diante de 25 mil torcedores, a equipe pernambucana venceu o Botafogo, por 2 a 0, e se aproximou da Portuguesa, primeiro time fora da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

ANGELA LACERDA, Agência Estado

18 de novembro de 2012 | 21h57

Agora o Sport aparece com 40 pontos, um a menos que a Portuguesa, e a três do Bahia. Os três, além de Náutico e Coritiba, ambos com 45, brigam contra o rebaixamento. Atlético-GO, Figueirense e Palmeiras já caíram.

Os gols saíram no segundo tempo. O primeiro, de Gilberto, aos 12 minutos. Ele só teve o trabalho de empurrar a bola na rede de Jefferson depois de receber a bola de Henrique. O atacante que foi o artilheiro do Mundial Sub-20 do ano passado fez o segundo, aos 44, depois de receber passe de Felipe Menezes.

O Sport demonstrou maior domínio de bola desde o primeiro tempo, mas não conseguiu finalizar em nenhuma das oportunidades criadas. A de mais destaque ocorreu aos 42 minutos, quando Cicinho avançou pela direita e cruzou a bola para a área do adversário. Antônio Carlos falhou na defesa e Hugo, livre de marcação, mandou a bola para fora, de canela.

Antes, aos 27 minutos, Felipe Azevedo entrou na área e cruzou para Gilberto que não alcançou a bola, desperdiçando outra chance.

Nos momentos em que o Botafogo foi o protagonista, também não teve sucesso. Aos 33 minutos, por exemplo, Lodeiro invadiu a área do Sport pela lateral chutou a bola que sobrou para Andrezinho, mas o meia errou o chute a gol.

FICHA TÉCNICA:

SPORT 2 X 0 BOTAFOGO

SPORT - Saulo; Cicinho, Diego Ivo, Aílson e Reinaldo; Tobi, Moacir e Hugo; Gilsinho (Henrique), Gilberto (Williams) e Felipe Azevedo (Felipe Menezes). Técnico - Sérgio Guedes.

BOTAFOGO - Jefferson; Lucas, Antônio Carlos, Dória e Márcio Azevedo (Elkeson); Gabriel, Renato (Fellype Gabriel), Seedorf, Andrezinho e Lodeiro (Vítor Júnior); Bruno Mendes. Técnico - Oswaldo de Oliveira.

GOLS - Gilberto, aos 12, e Henrique, aos 44 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Ricardo Marques Ribeiro (MG).

CARTÕES AMARELOS - Cicinho e Antônio Carlos.

RENDA - R$ 223.500,00.

PÚBLICO - 25.126 pessoas.

LOCAL - Estádio da Ilha do Retiro, no Recife (PE).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSportBotafogoBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.