Sterling ficará no Liverpool até fim do contrato, diz Rodgers

O técnico do Liverpool, Brendan Rodgers, espera que Raheem Sterling termine os dois anos restantes em seu contrato, apesar de afirmações do empresário do ponta de que o jogador não aceitará nenhum novo acordo.

REUTERS

22 de maio de 2015 | 09h30

O futuro de Sterling tem sido alvo de intensas especulações da mídia desde que ele colocou negociações contratuais em suspenso com seu agente Aidy Ward, que disse nesta semana que o jogador de 20 anos não vai prolongar sua estadia, mesmo se for oferecido 1,41 milhão de dólares por semana.

O Liverpool marcou uma reunião com Sterling nesta sexta-feira para discutir seu futuro após os comentários de Ward, mas Rodgers espera que as conversas sejam retomadas após o último jogo da temporada, no final de semana contra o Stoke City.

"Os fatos são simples. Raheem tem dois anos restantes em seu contrato com o Liverpool e espero que ele jogue estes dois anos e continue a se comportar como sempre fez desde que veio ao clube", disse Rodgers durante entrevista coletiva nesta sexta-feira.

O relacionamento de Sterling com o clube atingiu pontos conturbados em abril quando o jogador deu uma entrevista à BBC, sem autorização do clube, dizendo que não estava com pressa para assinar um novo contrato e negou ser um "mercenário".

Sterling ganhou o prêmio do clube de Jogador Jovem do Ano na terça-feira e foi vaiado por alguns torcedores, enquanto outros gritaram "Fica, Raheem" enquanto jogador recebia o prêmio.

(Reportagem de Michael Hann)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTINGLESLIVERPOOLSTERLING*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.