STF quebra sigilo de Montenegro

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) restabeleceram nesta quarta-feira a quebra do sigilo bancário e fiscal do ex-presidente do Botafogo Carlos Augusto Montenegro, decretada pela CPI do Futebol do Senado Federal. Os integrantes do STF consideraram que a decisão da CPI foi devidamente fundamentada. Eles invalidaram uma liminar que tinha sido dada pelo ministro Carlos Velloso, em dezembro do ano passado, suspendendo a quebra do sigilo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.