STJD absolve times e não tumultua Série C do Brasileiro

Não houve cheiro de pizza, nem uma posição radical, mas parece que as decisões tomadas, nesta quinta-feira, pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio de Janeiro, foram razoáveis e com uma pitada de bom senso. Afinal de contas, o Campeonato Brasileiro da Série C - a terceira divisão nacional - poderia sofrer uma profunda mudança. Assim, o Betim-MG foi absolvido da perda de seis pontos e da exclusão da competição e o Duque de Caxias-RJ, que poderia perder até nove pontos, também foi absolvido e continua na disputa dentro do Grupo B.

AE, Agência Estado

19 de setembro de 2013 | 19h09

O Betim poderia ter sido punido com a exclusão da competição por causa de uma dívida com o Nacional, da Ilha da Madeira, de Portugal. O relator do caso junto de outros dois auditores foram contra tirar o time mineiro do Grupo B. O relator e outros dois auditores cogitaram a perda de seis pontos, punição imposta pela Fifa, mas como o clube possui uma liminar, que impede a perda de seis pontos e a exclusão, a pena não foi considerada. Além disso, o STJD aplicou uma multa de R$ 15 mil por todas as ações do clube no processo.

Outra determinação do STJD foi que o presidente do Betim, Itair Machado, está suspenso das atividades desportivas até que o mesmo retire o processo que abriu na Justiça Comum. Enquanto isso, ele não poderá exercer o cargo. Ele comandava o clube desde quando era chamado de Ipatinga. Em 2006 contraiu uma dívida com o clube português por uma transferência do lateral Luisinho.

No outro caso polêmico, o Duque de Caxias foi absolvido pelo Pleno do STJD. Os auditores foram a favor do clube carioca e entenderam que quem errou no caso foi a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que foi, inclusive, quem denunciou o clube.

A decisão foi unânime, mesmo porque a CBF havia reconhecido o erro no seu banco de dados. Por causa disso, o contrato do Duque de Caxias com o atacante Rafinha desapareceu do sistema, o que gerou toda a confusão e o processo que antes praticamente rebaixava os cariocas na Série C.

Com isso, o Duque de Caxias segue com 12 pontos na tabela de classificação do Grupo B. O resultado dá esperanças ao time na luta contra o rebaixamento, uma vez que está a apenas três do Crac, o primeiro fora da zona de descenso. Pior para o Barueri-SP, que segue na lanterna da chave, com apenas 10 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.