STJD aumenta suspensão e Argel desfalca Inter em 4 jogos em 2016

Reunido nesta quarta-feira, o Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) ampliou a suspensão ao técnico do Internacional, Argel Fucks, por denúncia na Copa do Brasil. O treinador terá que cumprir quatro jogos de gancho, ao invés de apenas um, no Brasileirão ou na Copa do Brasil do próximo ano.

Estadão Conteúdo

09 de dezembro de 2015 | 15h41

Argel teve a punição ampliada porque os auditores do STJD acataram recurso da Procuradoria, insatisfeita com a decisão anterior. E, no novo julgamento, o treinador do Inter levou suspensão ampliada e multa de R$ 5 mil.

O técnico foi julgado por ter protestado contra o árbitro da partida entre Palmeiras e Inter, em São Paulo, pela volta das quartas de final da Copa do Brasil. "Você viu o lateral e não marcou porque não quis, você não tem índole, você agiu de má fé", dissera Argel ao árbitro, segundo registrou Wilton Pereira Sampaio na súmula do jogo.

Em sua defesa, Argel admitiu que invadiu o gramado ao fim da partida para reclamar das decisões do juiz, mas negou qualquer ofensa. Em decisão não unânime dos auditores, o técnico do Inter foi condenado a cumprir quatro jogos de suspensão no próximo ano, em competição organizada pela CBF.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSTJDInterArgel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.