Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

STJD denuncia Tchê Tchê e pode tirar palmeirense de clássico

Meia será julgado por expulsão contra a Ponte Preta; possível pena máxima é de três partidas do Brasileiro

O Estado de S. Paulo

05 de julho de 2017 | 20h34

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) denunciou nesta quarta-feira o meia Tchê Tchê, do Palmeiras, pela expulsão no jogo contra a Ponte Preta, pelo Campeonato Brasileiro. Como o julgamento será na próxima segunda-feira, caso o jogador seja condenado à pena máxima de três partidas de suspensão, vai ficar fora do clássico de quarta com o Corinthians, no Allianz Parque.

Tchê Tchê foi denunciado por desrespeito ao artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportivo (CBJD), que trata de conduta hostil ao desleal durante a partida. O palmeirense recebeu o cartão nos acréscimos do jogo com a Ponte Preta, vencido pelo time por 2 a 1, após desentendimento com o meia Renato Cajá. O árbitro relatou na súmula que Tchê Tchê revidou um tapa dado pelo adversário.

O jogador da Ponte Preta também foi denunciado. Renato Cajá será julgado por infrações contra a arbitragem, por ter reclamado da expulsão. A pena para esse caso é de no máximo seis jogos. Como o julgamento dos dois é apenas na segunda-feira, a dupla poderá atuar normalmente pelo Campeonato Brasileiro no fim de semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.