STJD suspende jogador por dois anos por uso de cocaína

O goleiro Rodolfo, do Atlético-PR, admitiu ter consumido a droga e clube afirmou que pretende recorrer

O Estado de S. Paulo,

13 de agosto de 2012 | 22h02

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspendeu por dois anos o goleiro Rodolfo, do Atlético-PR, por uso de cocaína. A punição foi anunciada nesta segunda-feira e o clube afirmou que pretende recorrer,

O atleta foi pego no exame antidoping realizado após a partida contra o CRB-AL, no dia 9 de junho, pela Série B. Foi aplicada a pena máxima prevista para o caso e o clube deve recorrer ao pleno do STJD. Posteriormente Rodolfo foi pego também no teste feito contra o Ceará, no dia 23 de junho, e uma segunda condenação pode ser considerada uma reincidência e resultar no banimento do esporte.

Atualmente o goleiro de 21 anos está internado em uma clínca de recuperação, mas foi ao julgamento para se defender. Ele admitiu ter usado a droga dois dias antes da partida contra o CRB. "Estou muito arrependido do que fiz. Estou me entregando ao máximo na minha recuperação. Penso muito na minha família e nos meus filhos. Está sendo muito difícil para mim", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.