Arquivo/AE - 2/4/2008
Arquivo/AE - 2/4/2008

STJD suspende Leão, Rafael Moura e Romerito

Eles foram suspensos preventivamente por 30 dias por causa de briga com reporteres no jogo Vitória x Goiás

AE, Agência Estado

28 de julho de 2010 | 18h41

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspendeu nesta quarta-feira preventivamente por 30 dias o técnico do Emerson Leão, e os atacantes Rafael Moura e Romerito por terem agredido um repórter de rádio após o empate por 2 a 2 com o Vitória, na última quarta-feira, no Barradão, em Salvador. O caso ainda não tem data para ser julgado, mas os três já não poderão entrar em campo pela equipe alviverde.

"Não se pode admitir que atletas, técnicos, dirigentes, se envolvam em atos, até de natureza penal, que serve para desmoralizar o emblema máximo brasileiro, sem que se aplique, desde logo, o corretivo permitido no Código, até como exemplo a ser dado aos que, no futuro, pudessem ter a ideia de impunidade pela prática de atos como os narrados", argumentou o presidente do STJD, Rubens Approbato Machado.

O técnico responderá a seis artigos do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva). A pena máxima é 720 dias de suspensão e multa de R$ 100 mil. Rafael Moura foi incurso em cinco itens e Romerito em três. O Goiás ainda pode ser multado em R$ 10 mil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.