Fabio Leoni/Pontepress
Fabio Leoni/Pontepress

STJD suspende técnico Gilson Kleina, da Ponte Preta, por três jogos

Treinador não poderá ficar no banco contra Atlético Goianiense e Chapecoense

Estadão Conteúdo

12 de setembro de 2017 | 20h22

O técnico Gilson Kleina é baixa certa da Ponte Preta para os próximos dois jogos do Campeonato Brasileiro. Julgado nesta terça-feira pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), no Rio, ele foi suspenso por três partidas. Já cumpriu a automática no empate com o São Paulo, no último sábado. Agora ficará fora diante do Atlético Goianiense e depois contra a Chapecoense, em Santa Catarina. Juninho, seu auxiliar direto, comandará o time no banco de reservas.

No último dia 27, ele foi expulso por reclamações na derrota para o Atlético Mineiro por 2 a 1, em Campinas (SP). No entendimento da Procuradoria, Gilson Kleina cometeu duas infrações distintas: uma ao desrespeitar a arbitragem e outra ao chutar o microfone, conduta contrária à ética e disciplina. Pelos fatos, enquadrou o treinador por infração ao artigo 258 e ao inciso II do mesmo artigo do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). A pena era de um a seis partidas.

A Ponte Preta faz um jogo importante contra o Sport, nesta quarta-feira, no Recife, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana, mas mantém a preocupação com o Brasileirão. À pedido da diretoria, o horário do jogo contra o Atlético Goianiense neste sábado, pela 24.ª rodada, foi atrasado e vai ter promoção de ingressos.

Para ganhar cinco horas a mais de recuperação, a direção pediu ao departamento de competições da CBF para que o próximo jogo seja disputado à noite, a partir das 21 horas. Antes aconteceria às 16 horas. Desde o início da semana havia uma grande preocupação com a logística de viagem de volta do Recife para Campinas (SP). Na verdade só haverá um período nesta sexta-feira para um rápido treino tático.

Para estimular a presença de público no estádio Moisés Lucarelli, a diretoria colocou os ingressos a preços simbólicos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). É um duelo importante porque vai ser contra o lanterna da competição. A Ponte Preta tem 28 pontos, em 13.º lugar, e seu objetivo é atingir 47 para se manter na elite nacional em 2018.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.