STJD tira Juninho Paulista do clássico

O meia Juninho Paulista foi punido com dois jogos de suspensão pelo Superior Tribunal de Justiça desportiva (STJD) em julgamento realizado na tarde desta sexta-feira no Rio, e vai desfalcar o Palmeiras no clássico de domingo, contra o Corinthians, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Denunciado no artigo 252 (ofensa), Juninho foi condenado por unanimidade pelos juízes da 4ª Comissão Disciplinar do Tribunal. Ao final da partida contra o Paysandu, dia 26 de junho, em Belém, o palmeirense chamou o auxiliar Roberto Braataz de ?safado?. O meia também vai desfalcar o Palmeiras no jogo contra o Fortaleza, dia 17 de julho, no Parque Antártica. O jogador, que acompanhou o julgamento, saiu do tribunal contrariado.?É ruim. Não gostei. Acho que eu não merecia isso. A pena foi muito severa. Não nego (a ofensa), mas acho que os juízes deveriam levar em conta a conduta do atleta. Estou decepcionado?, afirmou ele. O Palmeiras preparava um pedido de efeito suspensivo para a hispótese de Juninho ser suspenso por mais de dois jogos.O meia Carlos Alberto, do Corinthians, ao contrário, foi absolvido. Ele foi expulso no jogo contra o Fluminense também no dia 26 de junho. Mas como já cumpriu a suspensão automática, terá condições legais de atuar no domingo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.