Yoshikazu Tsuno
Yoshikazu Tsuno

Suárez exalta 'os três melhores jogadores do mundo' como parceiros

Autor de cinco gols no Mundial, atacante enaltece companheiros Neymar, Messi e Iniesta: 'Estou tranquilo,' diz uruguaio

EFE

20 de dezembro de 2015 | 12h27

 Artilheiro do Mundial de Clubes, com cinco gols - dois deles marcados neste domingo, na vitória do Barcelona por 3 a 0 sobre o River Plate na final -, o atacante Luis Suárez afirmou que tem a seu lado "os três melhores jogadores do mundo", em alusão a Messi, Neymar e Iniesta, e que graças a eles foi escolhido melhor jogador do torneio.

"O esforço da equipe é o que mais se pode elogiar", afirmou Suárez ao término da partida disputada no Estádio Internacional de Yokohama (Japão) e na qual o Barcelona conquistou seu terceiro título mundial.

O goleador, que recebeu a Bola de Ouro do torneio, se disse "muito feliz" por ter recebido este prêmio, mas agradeceu a contribuição de seus companheiros.

"Desfruto o dia a dia de ter os jogadores que tenho ao meu lado, neste caso são Leo (Messi) e Neymar, e outro que também para mim é uma maravilha que é Andrés (Iniesta). Tenho o melhor do mundo ao meu lado, também o segundo melhor para mim e o terceiro", destacou.

"Com eles, posso estar tranquilo que as oportunidades vão aparecer", acrescentou o uruguaio, que admitiu que o Barcelona "não estava fazendo um grande jogo" até conseguir o primeiro gol, aos 35 minutos do primeiro tempo.

"(O River) nos fez muita pressão, e para nós não foi fácil. Depois do segundo e terceiro gols, baixamos um pouco (o ritmo) e eles criaram mais perigo", argumentou.

Suárez tornou-se o primeiro jogador a marcar cinco gols em uma mesma edição do Mundial em seu formato atual, superando o brasileiro Denílson, revelado pelo Camaçari (BA) e que fez quatro pelo Pohang Steelers, da Coreia do Sul, em 2009

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.