Arquivo/AE
Arquivo/AE

Suárez volta a Old Trafford e ignora polêmica com Evra

Atacante da seleção uruguaia quer ajudar o time de seu país a conquistar o terceiro título olímpico

Agência Estado,

24 de julho de 2012 | 14h34

Bicampeã olímpica de futebol, a seleção uruguaia começará a caminhada rumo ao terceiro título nesta próxima quinta-feira, contra os Emirados Árabes, no estádio Old Trafford, em Manchester.

 

Coincidentemente, um dos palcos da polêmica que envolve um dos principais nomes da equipe, o atacante Luis Suárez, desde o ano passado.

 

Em outubro de 2011, o uruguaio foi suspenso por oito jogos pela Associação Inglesa de Futebol por ter proferido insultos racistas ao lateral-esquerdo francês Patrice Evra durante o confronto entre Liverpool e Manchester United, em Liverpool, pelo Campeonato Inglês.

 

No primeiro reencontro dos dois após o incidente, em fevereiro de 2012, em Old Trafford, Suárez recusou o cumprimento do rival antes da partida, o que gerou repercussão mundial e muitas críticas, principalmente por parte da mídia inglesa.

 

O atacante do Liverpool minimizou o retorno a Old Trafford e se disse apenas concentrado na estreia uruguaia nos Jogos. "Estou defendendo a seleção uruguaia e só isso é o que interessa agora", afirmou. "Não conheço muito Old Trafford, só joguei uma vez ali. Há muitos outros estádios onde só joguei uma vez. Só posso dizer que estou orgulhoso por representar meu país."

 

Suárez, 25 anos, é um dos três jogadores acima de 23 anos convocados pelo técnico Oscar Tabarez para a Olimpíada. Os outros são o volante Arévalo Ríos, do Palermo, e o atacante Edinson Cavani, do Napoli.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.