Divulgação
Divulgação

Substituto de juiz lesionado em Gre-Nal, Leandro Bizzio apitará final do Mineiro

Árbitro da Federação Paulista irá ocupar vaga de Jean Pierre Gonçalves Dias, que sofreu problema na panturrilha

Redação, Estadão Conteúdo

18 de abril de 2019 | 21h38

Leandro Bizzio Marinho será o árbitro da final do Campeonato Mineiro, neste sábado, no estádio Independência, entre Atlético e Cruzeiro. O paulista vai substituir o gaúcho Jean Pierre Gonçalves Dias, que sofreu uma lesão na panturrilha esquerda, na quarta-feira à noite, durante a decisão do Gaúcho, entre Grêmio e Internacional.

Um sorteio foi realizado na sede da Federação Mineira de Futebol, nesta quinta-feira, e o mesmo continha o árbitro Vinícius Furlan, também paulista, como outra possível opção para conduzir a arbitragem.

Leandro Bizzio Marinho apitou três partidas do Atlético em 2018: duas pelo Brasileiro (derrota por 1 a 0 para o Vitória e triunfo por 5 a 2 sobre o Sport) e uma na eliminação atleticana para a Chapecoense nos pênaltis nas oitavas de final da Copa do Brasil. O árbitro paulista também dirigiu duas partidas do Cruzeiro no Brasileirão do ano passado: triunfos sobre o Botafogo, por 1 a 0, e Vitória, por 3 a 0.

Nesta quinta-feira, os jogadores atleticanos participaram de treinamento no estádio Independência. A atividade comandada pelo técnico interino Rodrigo Santana não teve a presença do meia Cazares, que sofre com uma lesão na coxa esquerda. O colombiano segue tratamento e não deve jogar no sábado.

A tendência é a de que Santana promova três mudanças na escalação do time. O zagueiro Réver deve voltar à equipe titular (no lugar de Léo Silva), enquanto Vinícius fica com a vaga de Cazares. No lugar do volante Adílson, suspenso, o favorito a atuar é Zé Welison.

O Atlético-MG divulgou uma nota nesta quinta-feira na qual revelou que 21.229 ingressos já foram vendidos para o jogo de sábado, no Independência. De acordo com a assessoria do clube, restam apenas ingressos dos portões 2, 4, 5 e 9. O valores das entradas (inteiras) variam de R$ 120 a R$ 300. A venda prossegue até o sábado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • Raí valoriza montagem do elenco do São Paulo para o Brasileirão
  • Em crise, Figueirense se movimenta para evitar novo W.O.
  • Corinthians, Palmeiras e São Paulo tem as melhores defesas do Campeonato Brasileiro
  • Podcast: personalidades do esporte analisam a situação do futebol no Brasil
  • Bruno Henrique vibra com gols no Maracanã: 'Semana mais feliz da minha vida'

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.