Suíça pega Honduras e depende só de si para avançar

Apesar de estar na terceira colocação do Grupo H, com três pontos e saldo zero de gols, a Suíça só depende de suas próprias forças para se classificar às oitavas de final da Copa do Mundo. Para isso, basta apenas vencer Honduras, às 15h30 (de Brasília) desta sexta-feira, no estádio Free State, em Bloemfontein. Espanha e Chile farão o outro confronto da chave, no mesmo horário, em Pretória, e obrigatoriamente um dos dois, ou ambos, perderão pontos. Se empatar, a Suíça ainda avança em caso de vitória do Chile.

AE, Agência Estado

25 de junho de 2010 | 07h10

"Nós não dependemos do resultado do outro jogo, entre Chile e Espanha, isso é uma vantagem", disse o técnico Ottmar Hitzfeld, que vê na partida contra os hondurenhos uma decisão. "Encaro como uma semifinal de Liga dos Campeões. Teremos a oportunidade de atingir nosso grande objetivo que é chegar às oitavas de final. Para isso, precisamos de uma vitória com dois gols".

O problema, no entanto, é a falta de capacidade ofensiva da equipe, que só anotou um gol no Mundial, o que deu a vitória sobre a Espanha. Apesar disso, Hitzfeld segue confiante. Acredito na minha equipe e no poder ofensivo dos meus jogadores".

Para mudar a postura da equipe, é muito provável que Hitzfeld faça mudanças no time titular. O sistema defensivo continua o mesmo, mas o técnico pode lançar um ataque diferente. "O Yakin como meia-atacante é uma opção. Certamente não no meio de campo, mas como um jogador de ataque, ele é uma possibilidade. Temos também Padalino e Shaqiri como alternativas", revelou.

Honduras também tem chances remotas de classificação: precisará golear a Suíça, para tornar positivo seu saldo de três gols negativos, e torcer para que o Chile derrote a Espanha. "Ainda há esperança, ainda que seja mínima, e pretendemos aproveitar essa leve possibilidade no último jogo", disse o atacante Suazo.

FICHA TÉCNICA:

Suíça x Honduras

Suíça - Benaglio; Lichtsteiner, Von Bergen, Gritching e Ziegler; Barnetta, Inler, Huggel e Gelson Fernandes; Frei e Nkufo. Técnico: Ottmar Hitzfeld.

Honduras - Valladares; Mendoza, Chavez, Figueroa e Izaguiere; Nunez, Palacios, Guevara e Espinosa; Martinez e Suazo. Técnico: Reinaldo Rueda.

Árbitro - Héctor Baldassi (Argentina).

Horário - 15h30 (de Brasília).

Local - Estádio Free State, em Bloemfontein (África do Sul).

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2010futebolSuíçaHonduras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.