Sul-Americana deve sofrer mudanças

Vinte e quatro horas depois de lançada, a Copa Sul-Americana, que começa em julho, já deve sofrer mudanças. Como a primeira fase será disputada em âmbito nacional, com os clubes do mesmo país se enfrentando em triangulares, a proposta que começou a ser estudada hoje prevê uma agenda dirigida. Tudo para evitar que o terceiro jogo da chave se torne um amistoso. É simples. Por exemplo: os 12 times brasileiros estão divididos em quatro grupos de três e apenas o primeiro colocado avança. No BR2 estão Corinthians, Atlético-MG e Fluminense. Se o Corinthians jogar as duas primeiras rodadas e vencer, ficará automaticamente com a vaga, relegando o confronto entre mineiros e cariocas a um simples amistoso. Propõe-se, portanto, que a equipe vencedora na primeira rodada volte a jogar apenas na terceira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.