OFC Media
OFC Media

Surto de covid compromete Eliminatórias da Oceania para Copa do Mundo e traz problemas para Fifa

Jogo entre Vanuatu e Taiti é adiado e pode levar a atraso na conclusão de torneio que acontece no Catar

Redação, O Estado de S.Paulo

17 de março de 2022 | 18h48

As Eliminatórias da Oceania para a Copa do Mundo do Catar são as últimas a darem seu pontapé inicial. Devido à pandemia, os duelos sofreram adiamentos sequenciais e, finalmente, neste mês de março, tiveram seu início em formato de minitorneio no país sede do Mundial de 2022. A busca por uma vaga na repescagem intercontinental, no entanto, começou nesta quinta-feira com problemas, que devem trazer consequências para o calendário.

Um surto de covid-19 atingiu a seleção de Vanuatu e impediu a realização do jogo com o Taiti no estádio Al-Arabi, em Doha. A Confederação de Futebol da Oceania (OFC) não informou o número exato de atletas contaminados, mas disse que a grande maioria do elenco havia testado positivo. A entidade trabalha com a Fifa na busca por uma nova data para o confronto e espera que os jogadores estejam recuperados para a segunda rodada, no dia 20.

"Após testes rápidos de antígeno realizados em 17 de março, que revelaram casos positivos de covid-19 na grande maioria da equipe de Vanuatu, a partida agendada da primeira rodada entre Vanuatu e Taiti nas Eliminatórias da Copa do Mundo não será realizada. Os testes foram realizados antes da partida da seleção de Vanuatu na saída do hotel para o estádio. Vanuatu não teria jogadores suficientes para colocar uma equipe em campo", publicou a OFC.

ERUPÇÃO E TSUNAMI

O torneio deveria ter começado no dia 13, com um confronto eliminatório entre Ilhas Cook e Tonga para definir o último classificado para o Grupo A. Mas o conjunto tonganês desistiu de participar do evento após uma erupção na ilha vulcânica Hunga Tonga e consequente tsunami, ocorrido no último mês de janeiro. Assim, as Ilhas Cook herdaram a vaga.

FORMATO

O único jogo que pôde ser realizado nesta quinta-feira, na estreia do Grupo A das Eliminatórias da Oceania, foi justamente entre Ilhas Cook e Ilhas Salomão, que venceram o duelo por 2 a 0. O Grupo B tem previsão de começar seus jogos nesta sexta-feira com os duelos Papua Nova Guiné x Nova Zelândia (às 11h, horário de Brasília) e Nova Caledônia x Fiji (14h, horário de Brasília). Os dois jogos acontecem no estádio Suheim bin Hamad, também em Doha, capital do Catar. A seleção neozelandesa é favorita e espera retornar à Copa do Mundo após ausências nas edições do Brasil (2014) e Rússia (2018).

As duas melhores seleções dos Grupos A e B avançam para a fase semifinal. Nela, em jogos únicos, serão definidos os dois finalistas. Para chegar à Copa do Catar, o campeão das Eliminatórias da Oceania precisará enfrentar o quarto colocado da Concacaf - posição disputada intensamente por Panamá e Costa Rica - no dia 13 ou 14 de junho.

As Eliminatórias da Oceania tinham término previsto para o dia 30 de março. Porém, diante das incertezas provocadas pelo surto do novo coronavírus no elenco da seleção de Vanuatu, a data da final do torneio deverá ser alterada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.