Vincent Kessler/Reuters
Vincent Kessler/Reuters

Suspeita de fraude adia leilão de camisa usada por Zidane na final da Copa de 98

Há a dúvida se realmente o uniforme é o mesmo com que ele fez os dois gols contra o Brasil

O Estado de S.Paulo

10 Outubro 2018 | 05h03

A camisa que Zinedine Zidane usou quando marcou dois gols na seleção brasileira na decisão da Copa do Mundo de 1998 seria leiloada no próximo sábado, mas uma suspeita de fraude adiou o evento. O item tinha preço estimado entre 20 e 40 mil euros (R$ 93 mil a R$ 186 mil), mas como não há a confirmação de que realmente a camisa é a usada pelo jogador naquela partida, os responsáveis pelo leilão optaram adiar a venda. 

"A autenticidade da camisa não é questionada. A camisa foi feita para a final de 1998", disse o responsável pelo leilão, Jean-Marc Leynet, em entrevista ao jornal Le Parisien. "Mas tenho sérias dúvidas de que o Zidane a tenha usado durante o primeiro tempo", completou. Caso, de fato, a camisa tenha sido usado na primeira parte da partida, ela fica ainda mais valorizada, justamente por causa dos gols marcados pelo ex-meia diante do Brasil.

É possível que o uniforme realmente tenha sido feito para a decisão, mas a camisa pode ter sido usada no segundo tempo ou o astro francês sequer a usou. O leilão Drout, que iria vender a camisa, prometeu investigar o caso. 

A informação inicial é que uma mulher encontrou a camisa em casa, depois de se separar de um dos irmãos de Zidane, mas ela não tem mais informações sobre o assunto. 

Zidane foi o protagonista da histórica vitória da França sobre o Brasil por 3 a 0, na decisão do Mundial de 98. O meia fez os dois primeiros gols da partida.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.