Suspensão de D'Alessandro é reduzida para 5 jogos

A suspensão por 60 dias do meio-campista argentino Andrés D'Alessandro por tentativa de agressão e conduta antidesportiva foi reduzida para cinco jogos nesta sexta-feira, afirmou o Internacional nesta sexta-feira.

REUTERS

14 de agosto de 2009 | 19h02

O ex-jogador de River Plate, Wolfsburg, Zaragoza e da seleção argentina foi punido há um mês, por causa de seu comportamento na segunda partida da final da Copa do Brasil, contra o Corinthians, em 1o de julho.

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Brasil reduziu a suspensão após um recurso, afirmou o Inter na página do clube na Internet (www.internacional.com.br).

D'Alessandro, após ser expulso, tentou brigar com o capitão corintiano William, com socos que não atingiram o rival.

"Ele teve duas chances de atingir o adversário, mas não fez isso. Você não pode punir um jogador que socou e chutou o ar com 60 dias", disse o advogado do Inter Daniel Cravo, segundo a mídia brasileira.

D'Alessandro, que jogou durante o período do recurso e até marcou na vitória de 3 x 0 contra o Sport, na segunda-feira, vai perder as partidas do Campeonato Brasileiro contra Santo André, Corinthians, Palmeiras, Santos e Goiás. Ele deve voltar somente contra o Atlético Mineiro, em 2 de setembro.

Tudo o que sabemos sobre:
FUTINTERDALESSANDRO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.