Anthony Devlin/AFP
Anthony Devlin/AFP

Suspensão de Mané por 3 jogos é confirmada após rejeição a recurso do Liverpool

Atacante tomou cartão vermelho depois de dar uma solada no rosto do goleiro brasileiro Ederson

Estadão Conteúdo

12 de setembro de 2017 | 14h47

A Associação de Futebol (FA, na sigla em inglês) da Inglaterra rejeitou nesta terça-feira o pedido do Liverpool para diminuir a suspensão de três partidas imposta ao atacante senegalês Sadio Mané.

O jogador de 25 anos fora expulso no massacre sofrido para o Manchester City no último sábado, por 5 a 0, pelo Campeonato Inglês. Aparentemente sem intenção, o atacante acertou uma solada no rosto do goleiro brasileiro Ederson, que recebeu atendimento médico por quase dez minutos e deixou o campo de maca, sendo levado para um hospital.

O Liverpool tentou recorrer da suspensão automática de três partidas, o que foi rejeitado nesta terça pela federação. "A suspensão de três jogos a Sadio Mané, que terá efeito imediato, será mantida depois do recurso (do Liverpool) ser rejeitado por uma Comissão Independente Reguladora", informou a FA em seu site oficial.

Com a confirmação da punição, Mané perderá o jogo contra o Burnley, sábado, pelo Campeonato Inglês, e duas partidas contra o Leicester, uma pela mesma competição e outra pela Copa da Liga Inglesa.

Já o goleiro Éderson voltou a treinar normalmente, mas com uma proteção na cabeça, uma espécie de capacete também utilizado por Petr Cech, do Arsenal. A expectativa, assim, é de que ele reforce o Manchester City diante do Feyenoord, nesta quarta-feira, na Holanda, pela primeira rodada do Grupo F da Liga dos Campeões da Europa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.