Tabárez segue no comando da seleção do Uruguai

O técnico Oscar Tabárez, que colocou o Uruguai de volta aos primeiros lugares com a quarta colocação na Copa do Mundo, continuará como treinador da "celeste" durante os próximos quatro anos.

REUTERS

10 de setembro de 2010 | 20h32

O técnico assinou o novo contrato na sexta-feira à tarde durante uma entrevista à imprensa na Associação Uruguaia de Futebol (AUF).

A renovação "nos dá a possibilidade de continuar o trabalho. É também uma opção de vida, queríamos estar em nosso país porque queríamos ter os desafios aqui", disse Tabárez diante de dezenas de jornalistas.

A AUF e Tabárez negociaram desde o fim do Mundial da África do Sul a continuidade do treinador, mas devido a diferenças econômicas a conclusão do acordo demorou.

O salário mensal do treinador e seus colaboradores será de cerca de 100 mil dólares, segundo a mídia local.

Tabárez iniciará sua terceira passagem à frente do Uruguai, já que também dirigiu o time na Copa do Mundo de 1990, disputada na Itália.

Os próximos desafios da seleção "celeste" serão a Copa América de 2011, na Argentina, e as eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

(Reportagem de Giovanna Fleitas)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTURUGUAISEGUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.