Tadei não é mais técnico do Barretos

O técnico Vilson Tadei não suportou mais uma derrota na Série A3 do Campeonato Paulista, diante do Inter de Bebedouro, por 1 a 0, e foi desligado do cargo de treinador do Barretos. O anúncio foi do presidente do clube, Milton Aparecido da Silva, que ainda dispensou toda a comissão técnica. O cartola fará uma reunião nesta terça-feira com a diretoria para definir os novos comandantes do time em campo. Vilson Tadei esteve por oito jogos à frente do Barretos, conseguindo três vitórias, dois empates e três derrotas, deixando o clube na quinta posição do Grupo 1. Porém, o fracasso diante do Inter, em Bebedouro, e na penúltima rodada por 4 a 2 para o Sertãozinho, em casa, foram primordiais para a demissão. O Grupo 1 é liderado pelo Sertãozinho, que goleou por 4 a 2 o XV de Jaú, em Jaú, e chegou a 19 pontos ganhos. O Mirassol, que estreou o técnico Roberval Davino, tem 18, e o Noroeste 15. No Grupo 2, três times dividem a liderança. XV de Piracicaba, Primavera e ECO estão com 13 pontos, mas a vantagem é do clube piracicabano, no número de vitórias - 4 a 3.

Agencia Estado,

29 de março de 2004 | 18h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.