Taquaritinga busca empate no final

Mesmo jogando em casa, o Taquaritinga levou um grande susto ao empatar com a Francana, por 2 a 2, neste domingo à tarde, na abertura do Campeonato Paulista da Série A2. O time da casa conseguiu reagir no final do jogo, porque terminou o primeiro tempo perdendo por 2 a 0. O Grupo 3, agora, está equilibrado, porque Taubaté e Nacional tinham empatado, por 2 a 2, sábado à noite, e também só têm um ponto cada. A Francana começou melhor o jogo e logo mostrou ao adversário seu cartão de visita. Num contra-ataque Deivid abriu o placar, depois de aproveitar o cruzamento de Maia. O Taquaritinga se perdeu em campo, só ameaçando aos 40 minutos, quando Baiano acertou uma bola na trave. Mas estava exposto ao contra-ataque e morreu aos 46 minutos, quando Hernandez roubou a bola no meio campo e lançou Ézio que bateu cruzada para fazer Francana 2 a 0. Mas a história mudou no segundo tempo. O Taquaritinga imprimiu um ritmo forte desde os primeiros minutos, encurralando a Francana em seu campo defensivo. Mesmo assim, conseguiu segurar a vantagem até os últimos minutos. De tanto martelar, o CAT buscou a reação. Aos 37 minutos, saiu o primeiro gol, de pênalti. Alexandre Marconato sofreu e cobrou a penalidade: 2 a 1. Dois minutos depois, festa total no estádio com o gol de empate de Rodrigão, que aproveitou a cobrança de escanteio para desviar. Dando seqüência à segunda fase do Paulistinha, o Taquaritinga enfrenta o Nacional, sábado, em São Paulo. Já a Francana encara o Taubaté, em casa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.