Taquaritinga garante acesso para a A2

Taquaritinga e Oeste vão decidir o título do Campeonato Paulista da Série A3 e já garantiram o acesso à Série A2, segunda divisão, em 2003. O Taquaritinga garantiu sua presença na final de forma dramática ao empatar com o XV de Piracicaba, em 1 a 1, neste domingo cedo, no estádio "Taquarão". O gol de empate foi marcado pelo zagueiro André Beraldo aos 47 minutos do segundo tempo. O empate foi suficiente para o CAT, como é conhecido, porque tinha vencido o primeiro jogo, por 1 a 0, em Piracicaba. O XV lamentou a falta de sorte, porque a vitória lhe daria a vaga, uma vez que tinha vantagem no polêmico critério de cartões, que é usado em caso de desempate. Agora o Taquaritinga faz a final com o Oeste, a partir da próxima semana, em dois jogos. O primeiro será em Taquaritinga, com a finalíssima sendo realizada em Itápolis. Mais de oito mil torcedores foram até o Taquarão para empurrar o CAT que já participou da divisão de elite paulista na década de 80. Com a vantagem do empate, o time da casa tomou mais cuidados na marcação e procurou tocar bastante a bola. O jogo esquentou mesmo no segundo tempo, quando o XV saiu na frente com um gol de Wânderson, aos 15 minutos. A partir daí foi um desespero geral, que começava no campo e terminava nas arquibancadas. O sufoco só terminou aos 47 minutos, quando o zagueiro André Beraldo encheu o pé após um bate-rebate dentro da grande área. O clima tenso, de repente, foi trocado pela euforia e pela comemoração do time e da torcida, que se prolongou pelas principais ruas da cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.