Técnico alemão perto de assumir o comando de Togo

O técnico alemão Winfried Schaefer, ex-Camarões, está perto de assumir a seleção de Togo, sem comando desde a saída de Otto Pfister, que abandonou a delegação no fim da semana passada devido aos problemas envolvendo premiações dos jogadores com a federação. Schaefer foi neste domingo até o hotel onde a equipe está concentrada para conversar com os dirigentes. Na saída, disse que isso depende dos dirigentes e dos jogadores de Togo aceitarem suas condições. "Fui chamado para ajudar, mas não posso fazer isso se não existir organização. Aceitarei o trabalho se aceitarem o que eu pedi. Agora volto para Frankfurt e aguardo uma resposta", disse.Os dirigentes de Togo devem anunciar a decisão até esta segunda-feira. Por enquanto, o time segue sendo comandado por Kodjovi Mawuena, que deve dirigir o time na estréia na Copa do Mundo contra a Coréia do Sul, na terça-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.