Técnico Antônio Carlos é suspenso por quatro meses

Depois de ter uma sequência de sete vitórias seguidas interrompida no último sábado, com a derrota por 3 a 1 para o Bahia, o São Caetano viu nesta segunda-feira o seu técnico levar um gancho pesado no Superior tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Por invadir o campo na partida do último dia 7, na vitória por 2 a 1 sobre o Brasilense, o treinador foi suspenso por 120 dias.

AE, Agencia Estado

31 de agosto de 2009 | 23h05

Na ocasião, Antônio Carlos invadiu o campo para comemorar o gol de Wendell, que valeu a vitória do São Caetano, já nos acréscimos do segundo tempo. Pela infração, foi denunciado e punido com base no artigo 274. Além do treinador, o zagueiro Arthur também foi julgado nesta segunda por sua expulsão na mesma partida, suspenso por apenas um jogo e está livre para atuar.

O São Caetano, que promete recorrer da punição a Antônio Carlos, já não poderá contar com o treinador neste sábado, pela 22.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time recebe o Vila Nova buscando uma vitória para se aproximar do G-4. Com 33 pontos, a equipe do ABC paulista aparece na quinta posição, a quatro da zona de acesso à Serie A.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.